fundo parallax

DICA RTC #1:
Aurora Gordon

 

Parte atividade de resgate histórico, parte movimento cultural e parte supergrupo musical, o Aurora Gordon é um projeto multimídia centrado na redescoberta e revitalização das obras e dos ideais da geração contracultural capixaba dos anos 60 e 70. (FOTOS DO SHOW: Vitor Lorenção)


Idealizada e dirigida pelo músico e produtor Murilo Abreu (Solana), a iniciativa tem ganhado visibilidade e crescido em renome por conta de seu valor social, seu caráter agregador e sua qualidade artística.

fundo parallax
 
 

Iniciado em meados de 2005 em meio a um extenso processo de pesquisa, o projeto mantém a Música como fio condutor, mas também se desdobra em outras linguagens (como Literatura e Cinema), focando na redescoberta e revitalização das obras e dos ideais da geração formada por artistas como Os Mamíferos, Aprígio Lyrio, Rogério Coimbra, Arlindo Castro, Paulo Branco, Sergio Regis, Chico Lessa e Nenna.


Realizado principalmente a partir da reunião de talentos capixabas para resgatar obras e materiais que ou se revelam esquecidas pelo grande público, ou nunca viram a luz do dia, o projeto visa compor o registro definitivo do movimento contracultural visto no ES nos anos 60 e 70 através de uma linguagem moderna. A partir dessa perspectiva, dois álbuns foram realizados até então, ambos produzidos por Abreu.

fundo parallax
 
 
 
 

Com uma sequência fluida e extremamente oscilante de faixas, este segundo trabalho pode soar estranhamente assimilado quando escutado de uma tacada só (a ideia é mais próxima de uma colagem que sirva como o registro do zeitgeist de uma época), mas traz composições ainda mais intrincadas e intensifica a noção da diversidade existente no (historicamente) pouco explorado cenário musical capixaba.

fundo parallax
 
 
 

Notável pela forma com que mescla resgate e reinvenção em diferentes linguagens, o Aurora Gordon ainda conta com a participação de nomes notáveis do circuito musical capixaba como SILVA, Lucas Arruda, Amélia Barreto, Fepaschoal, Rabujah, Jackson Pinheiro (ex-Supercombo), TAMY e André Prando, servindo também como um ponto de comunhão entre artistas de trabalhos extremamente distintos, reforçando ainda mais seu valor artístico e sociocultural.

 

Atualmente, o projeto prepara mais dois lançamentos previstos para este ano: Diante dos Meus Olhos, documentário dirigido por André Félix e o clipe de Peter Banana, dirigido por Diego Scarparo. Focando em dar continuidade ao trabalho de transformar os elementos históricos e artísticos da cultura capixaba em uma herança para gerações vindouras, o Aurora promete continuar criando pontes entre passado e presente de forma inventiva e dinâmica, merecendo ser conferido por isso.



LINK OFICIAL DISCO RECOMENDADO
Guilherme Guio
Guilherme Guio
Publicitário, especialista em Comunicação Corporativa e Inteligência de Mercado, é o editor e redator principal do RTC. Atuando como consultor de Marketing Cultural na produtora cultural SERENA (da qual é sócio), resolveu dar vazão aos seus arroubos verborrágicos através deste projeto. Também é tabagista compulsivo, cinéfilo inveterado, adepto de audiófilo e dançarino amador vergonhoso nas horas vagas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *